Pera de sucção

Autor: Marcos Tulios Frota Ladislau. Maio, 2022.

O que é?

A pera de sucção é um dos pipetadores mais usados em laboratórios de química, por ser o mais barato encontrado no mercado*, além de fazer muito bem sua função, que é a de succionar e escoar líquido de pipetas. Segundo Moulatlet (2012) e Skoog (2014) a pera de sucção, recebe também o nome de pipetador de três vias ou originalmente Propipette® e é uma material de laboratório feito de borracha, usado para auxiliar na sucção de líquido através de pipetas, de modo a transferir o líquido de um local para outro.

*https://www.lojalab.com.br/produtos.asp?codigo_categoria=76

Característica

A pera de sucção é fabricada em diversas cores, porém funcionam de maneira igual. Conforme se vê na figura abaixo, ela possui um bulbo maior e outro menor, três seções pequenas de tubo, cada uma contendo uma pequena esfera que pode ser de vidro, plástico ou aço inoxidável, as quais, segundo Moulatlet (2012) e Skoog (2014) permitem a regulagem de entrada e saída de ar, permitindo a sucção e o escoamento de líquidos, quando inserido em uma pipeta.


Figura 1 - Pera de sucção: válvula (S) succiona o líquido, Válvula (E) escoa o líquido e Válvula (A) retirar o ar,

secando o bulbo maior, o bulbo menor retira a gota residual da pipeta.

Segundo Moulatlet (2012) o sistema funciona da seguinte maneira:

A pera de sucção gera uma pressão diferente da atmosférica (fecha o sistema e apresenta válvulas que permitam a retirada de ar de seu interior), que facilita a subida do líquido. Para que o líquido escoe é necessário que o sistema seja aberto.

Como usar?

A pera deve ser utilizada de maneira correta para que seu tempo de vida útil se prolongue.Inserí-la demais na pipeta pode causar o afastamento das esferas danificando-a. Outra erro muito comum, é deixar com que líquidos subam demasiadamente na pipeta de maneira que entrem na pera, isto pode vir a causar corrosão nas esferas, dependendo do líquido succionado e até o entupimento das válvulas.

De acordo com Bruno (2014, p. 17) os passos para usar a pera corretamente são:

  1. Esvaziar a pera, apertando a válvula A e pressionando o bulbo maior;

  2. Inserir a pera na pipeta a ser usada;

  3. Apertar a válvula S para succionar o líquido a ser pipetado;

  4. Apertar a válvula E, para liberar o líquido da pipeta.

veja o vídeo e o esquema abaixo, de como usar a pera de sucção:



1 - Seque a pera na válvula A




2 - Coloque a pera numa pipeta


3 - Succione o reagente na válvula S



4 - Escoe na válvula E



Proteção

A pera de sucção é um material muito importante, pois permite que o químico não precise colocar a boca na pipeta para succionar o líquido, evitando intoxicações. De acordo Constantino (2004, p. 31) nunca se deve pipetar líquidos cáusticos ou tóxicos diretamente com a boca. E o recomendado é que nunca deve-se colocar qualquer material de laboratório na boca.

Dica

Nunca esqueça, deixe a pera sempre cheia ao ser guardada, isso ajudará na sua conservação.

Referências

BRUNO, A. N. Biotecnologia I: princípios e métodos. Porto Alegre: Artmed, 2014. Disponível em:<https://books.google.com.br/books?id=1-oVBAAAQBAJ&lpg=PA17&dq=pera%20de%20suc%C3%A7%C3%A3o&hl=pt-BR&pg=PP2#v=onepage&q=pera%20de%20suc%C3%A7%C3%A3o&f=false> Acesso em: 27 abr. 2015.1

CONSTANTINO, M.G; SILVA, G. V. J da; DONATE, P. M. Fundamentos de química experimental. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2004. Disponível em:<https://books.google.com.br/books?id=8L4RaCKKSAIC&lpg=PA62&dq=pipetador&hl=pt-BR&pg=PA62#v=onepage&q=pipetador&f=false> Acesso em: 27 abr. 2015.

MOULATLET, A. C. Pera de sucção. Disponível em:<http://labiq.iq.usp.br/paginas_view.php?idPagina=14&idTopico=64> Acesso em: 24 abr. 2015.

SKOOG, D.A; WEST, D. M; HOLLER, F. J; CROUCH, S.R. Fundamentos de Química Analítica. 9. ed. São Paulo: Cengage Learning, 2014.

Origem da palavra

Objeto que introduz ou aspira líquidos ou ar.


Dicio, 2022.